Como reduzir a taxa de condomínio?

Em decorrência do aumento no índice de desemprego, o corte de gastos é um assunto que está ganhando cada vez mais relevância. Quem mora em condomínio quer reduzir as despesas e, por isso, os síndicos precisam buscar métodos para diminuir os gastos e fazer com que o valor caiba no orçamento dos moradores.

É importante ressaltar que quando ocorre a redução de gastos, as chances de inadimplências caem, o que pode ser um ponto positivo. Confira algumas dicas que podem ajudar os síndicos com pequenos cortes de gastos e investimentos.

Individualização de água e gás
Em alguns condomínios não se mede o consumo por unidade. O que acaba sendo injusto com uma pessoa que usa pouco e paga o mesmo que uma pessoa que usa muito. Com essa medida é possível reduzir o consumo geral em 30%.

Poupe energia elétrica
Procure possíveis desperdícios de energia elétrica. Programação de elevadores e instalação sensores de presença são medidas comumente adotadas.

Realize manutenções preventivas

Todo condomínio  precisa ter em sua agenda de obrigações as manutenções preventivas que são bem mais baratas que as obras de reparação

Tecnologia de softwares para condomínio
A criação  de sistemas inteligentes de gestão pode representar uma economia significativa
no orçamento mensal. Isso ocorre porque os softwares especializados reduzem gastos com papel e armazenamento substituindo processos manuais.

Esperamos que essas dicas sejam proveitosas para seu condomínio. Bom trabalho e boas economias!

Luzes na decoração: veja como deixar a sala mais charmosa
Dicas de como ter cães e gatos no apartamento