Atitudes simples tornam um condomínio mais sustentável

Já mostramos aqui no blog que o seu condomínio pode ser sustentável, mas, para que um projeto de sustentabilidade dê certo, é preciso planejamento adequado e muito debate. Levar o assunto para as assembleias é fundamental para que os demais condôminos possam opinar e tomar conhecimento do projeto. Sabemos que, durante as reuniões de condomínio, algumas manifestações mais exaltadas são comuns e que sempre haverá divergências. No entanto, focar nos reais benefícios que serão alcançados é uma boa estratégia de convencimento.

A aprovação de medidas mais onerosas, como a implantação de painéis fotovoltaicos para a geração de energia solar, pode demandar mais tempo e gerar mais discussão. De qualquer maneira, algumas atitudes simples costumam ser bem aceitas e já contribuem de forma efetiva para a economia no final do mês. Quer saber como pagar menos na conta de luz? Confira abaixo algumas dicas simples que podem ser implantadas nos condomínios gerando pouco custo – ou custo zero – e muitos benefícios:

Suba 1 e desça 2

O elevador é um dos maiores responsáveis pelo consumo de energia de um prédio, por isso incentive o uso das escadas em vez dos elevadores. Se precisar subir um andar ou descer dois, vá de escada! Dessa forma, os moradores vão praticar um exercício enquanto ajudam a economizar energia.

Dedinhos nervosos

Crianças pequenas adoram apertar botões, não é mesmo? Aquele círculo luminoso que rodeia o número parece atrair os dedinhos nervosos dos pequenos (risos). Por isso, oriente as famílias para que não deixem as crianças apertarem todos os botões do elevador. Além de desperdiçar energia, a manutenção do equipamento é cara.

Pouco movimento

Se o condomínio possui mais de um elevador, desligue um deles quando se sabe que há pouco movimento. Por exemplo: diariamente, no horário das 22h às 6h, e aos domingos e feriados.

Sensores de presença

Além de trocar as lâmpadas das áreas comuns pelas de LED, uma boa dica é instalar sensores de presença nas áreas de livre circulação. Alguns condomínios não têm janelas nas áreas internas e por isso precisam de iluminação artificial durante o dia. No entanto, deixar um local iluminado quando não há ninguém presente significa aumento da conta de luz e desperdício de energia. Atitudes simples, não é mesmo?

Luz natural

Janelas grandes e tetos solares permitem a passagem de luz natural. Dessa forma, ligar o interruptor na presença de luz solar torna-se desnecessário.

Pintura esperta

Quando chegar a hora de retocar a pintura das áreas comuns, prefira as tintas claras, pois elas refletem a luz e ajudam a deixar os ambientes mais iluminados. Ah, não se esqueça de optar pelas tintas à base de água, pois são mais sustentáveis!

Viu como é fácil? Atitudes simples fazem a diferença! Leve essas ideias na próxima reunião de condomínio e ajude a tornar o seu prédio mais sustentável! Seu bolso agradece e o meio ambiente também! 🙂

 

Fonte: Condomínios Verdes

Zona Sul: preços de imóveis caem e demanda cresce
5 dicas para diminuir o calor em casa