Saiba como deixar sua cozinha mais verde

Se você leu o título deste post e pensou em pintar a parede da cozinha de verde, você precisa ampliar seus conceitos sobre esta cor (risos)! Brincadeiras à parte, a cozinha é um ambiente geralmente muito frequentado pelos moradores. Também, não é para menos… É de lá que surgem aqueles pratos deliciosos preparados por sua mãe ou sua avó e aquela “gororoba” que você faz para matar sua fome (se você é um mestre-cuca, não se sinta ofendido, mas não há nada melhor do que a comidinha da mamãe e da vovó, não é mesmo? – risos).

Agora, você já parou para pensar na quantidade de atitudes que podem ser tomadas neste ambiente para torná-lo mais sustentável? Pois é… Por isso separamos algumas dicas valiosas que vão ajudar você a economizar água, energia e gás na cozinha e ainda contribuir com a saúde do planeta! Confira! 🙂

1) Economize água com a lava-louça:

– Você sabia que, ao utilizar a máquina de lavar louças, você economiza muito mais água do que ao lavar os utensílios à mão? Essas máquinas reaproveitam a água que gastam durante a lavagem, enquanto que, ao lavar à mão, a torneira descarta a água direto no ralo. Mas, para que elas sejam de fato mais econômicas, é preciso utilizá-las somente em sua capacidade máxima. Caso você tenha apenas um prato e alguns talheres sujos, nada de usar a lava-louça, ok?

– Outra dica bacana é não pré-enxaguar a louça antes de colocá-la na máquina. As lava-louças modernas são capazes de remover resíduos de alimentos e de gordura.

2) Deixe a louça de molho:

– Se você não possui uma lava-louça, uma boa dica é deixar os utensílios de molho por alguns minutos. Isto vai facilitar a limpeza e evitará o desperdício de água e o uso excessivo de produtos químicos.

3) A geladeira merece atenção especial:

– Fique atento à regulagem de temperatura da sua geladeira. Ao deixar a temperatura muito baixa sem necessidade, você gastará mais energia do que precisaria para manter seus alimentos conservados.

– Limpe as bobinas do condensador. Isto pode reduzir em até 30% o consumo de energia.

– Evite guardar alimentos quentes na geladeira. Apesar de não estragar o alimento, a geladeira precisará gerar mais energia para resfriá-lo.

– E nada de abrir a geladeira para só depois decidir o que vai pegar, hein?

4) Economize gás ao preparar as refeições:

– Cozinhe com fogo baixo! Ao aumentar o fogo, você apenas irá gastar mais gás e correrá mais riscos de queimar a comida. Usar fogo baixo garante melhor cozimento dos alimentos e economia para o seu bolso.

– Utilizar a panela de pressão também é uma maneira muito eficaz de economizar gás. Com esse tipo de panela, é possível preparar diversos tipos de alimento. Além disso, o tempo de preparo das refeições é muito mais rápido do que ao usar uma panela comum.

– Ao usar o forno, desligue-o minutos antes de o alimento ficar pronto. A temperatura interna permanecerá alta durante algum tempo, e, com isto, você economizará gás enquanto o prato termina de assar.

5) Economize água na hora de lavar os alimentos:

– Uma boa dica é não abrir a torneira no máximo. Com um jato mais fraco de água, já é possível lavar os alimentos de forma eficaz.

6) O micro-ondas pode ser um grande vilão:

– Apesar de muito prático, o micro-ondas consome muita energia ao ser utilizado. Sempre que possível, evite preparar refeições nele e use-o apenas para esquentar os alimentos.

– A função descongelar pode ser “uma mão na roda” em muitos momentos, porém, sempre que puder, descongele os alimentos de forma natural.

– Mantenha o micro-ondas ligado na tomada apenas quando você for usá-lo. Ao deixá-lo na tomada, você vai desperdiçar muita energia a troco de nada.

Anotou todas as dicas? Então agora chegou a hora de colocá-las em prática! E, como ações em conjunto costumam proporcionar resultados muito melhores, compartilhe com seus amigos e vizinhos! 😉

 

Fonte: Condomínios Verdes

Modernização é tendência no mercado imobiliário
Aproveite os espaços ociosos integrando-os com a decoração da casa