Decoração minimal ganha os ambientes em 2017

Cores neutras e modelos baseados em aspectos escandinavos estão em alta no mundo da decoração

Paredes brancas, poucos móveis e linhas retas. Com esse cenário em mente logo pensamos na decoração minimalista, que defende manter apenas o que é necessário em uma casa. O estilo também é importante pelo fato de trazer conforto e aconchego para a residência, transformando-a no local ideal de descanso após um longo dia de trabalho.

A Designer de Interiores Roberta Cavina conta que a decoração clean e com cores neutras é importante para que o ambiente fique leve, desde que a beleza e a elegância do ambiente permaneçam como característica principal.

“Eu prefiro deixar o ambiente clean para colocar um adorno, deixar a parede com algo diferente, como uma pintura, um passepartout, porque se os objetos forem coloridos e cada parede tiver uma cor diferente, será difícil harmonizar móveis e objetos mais extravagantes. Por isso, deixo um local específico para dar um destaque, deixando o ambiente harmônico”, afirma a decoradora de interiores.

Muitas vezes, esse tipo de design pode ser confundido com o Escandinavo ou o Industrial. Isso se dá porque o minimalismo preza pela cor apenas nos adereços decorativos de um ambiente, mantendo os móveis em cores neutras ou em sua cor natural, caso seja feito de madeira ou de couro.

Privilegiando materiais como a madeira, o vidro e o inox, o estilo preza por superfícies lisas e livres de objetos considerados desnecessários, o que causa maior fluência ao ambiente, ajudando a manter a casa em ordem e contribuindo para a otimização do tempo, já que fica mais fácil localizar objetos importantes para o dia a dia.

Fonte: terra.com.br

Como economizar gás na cozinha da sua casa
Delivery em condomínio: o que você precisa saber?